quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Piada de Bêbado

Segundona braba, altas horas da madrugada, delegacia cheia, delegado puto, as horas não passam. . .
De repente, um policial entra trazendo um preso, para quebrar a monotonia.
Era um velhinho caindo de bêbado, todo machucado, fudido, apanhou pra caramba do guarda.
O policial entra na sala do delegado e vai jogando o velhinho no chão, que já nem consegue mais se levantar.
-Taí o meliante, doutor. O que faremos com ele?
-Não quer me dizer primeiro o que ele fez? Pergunta o delegado.
-Estava no bar, bêbado, como o senhor está vendo. Pedi os documentos dele e ele me mandou ir tomar banho!
O delegado, cheio de autoridade, levantou-se da mesa, foi até onde estava o velhinho caído e perguntou:
-E aí vovô, você mandou o policial tomar banho?
O velhinho, encontrando forças, olhou para o delegado e respondeu:
-Mandei, e daí?
O delegado fechou a cara, engrossou a voz e falou pausadamente no ouvido do velhinho:
-E eu, o delegado, o que o senhor vai me mandar fazer, hein?
-Vou te mandar tomar no cú!
Enfezado, espumando pela boca, o delegado gritou aos bufos:
-Ah é, seu velho filho da mãe! Então tome!
E encheu o velho de chutes no estômago, na bunda, no saco. . .
Deixou o coitado à míngua e depois mandou prendê-lo.
O policial catou o velho no chão e o revistou. Em sua camisa, encontrava-se os documentos. Tinha uma carteira funcional do exército, onde se lia: “Austregésimo Fioravante de Menezes – cargo: General 5 estrelas”
Ao ver a cagada, chamou o delegado e mostrou o documento.
O delegado, desesperado, falou:
-Puta que o pariu! O que que a gente faz agora?
O policial, saindo de mansinho:
-Bom, eu vou tomar o meu banho que foi o que o homem mandou. O senhor quer que traga uma vaselina?    

Nenhum comentário: